Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

AlGo à Mesa

Doce ou salgado, saboroso e 100% vegetal

Dezembro 29, 2019

Paella de Legumes

Desde a primeira vez que fiz este prato, é dos que mais me pedem quando dizem que querem comida vegetariana. Eu não me importo, porque é muito bom.

Se não vos apetecer para o ano novo, podem fazer já hoje para o jantar.

IMG_20180209_195944.jpg

Usei:

- Meio litro de caldo de mar (ou água)
- Uma chávena de arroz para paella (ou não)
- Uma cebola
- Três dentes de alho
- Três colheres de sopa de polpa de tomate (ou tomate triturado)
- Um pimento (ou o equivalente em tiras de vários pimentos coloridos. Fica mais rico em sabor e mais bonito)
- Uma cenoura em tiras finas
- Uma chávena de ervilhas
- Meia chávena de milho cozido
- Meia chávena de feijão preto cozido
- 250 gr de cogumelos laminados
- Algas variadas
- Azeite, sal, pimenta e piripiri q.b.
- Uma colher de sobremesa de açafrão
- Salsa picada, ou coentros.b.
 

Como fazer:

Começar por preparar o caldo de mar, que nada mais é do que algas (das que se vendem nos supermercados e de preferência variadas) mergulhadas em meio litro de água com sal. Reservar.

Cortar os pimentos em tiras, picar a cebola e os alhos e reservar (tudo separado).

Na frigideira de paella (ou noutra larga), aquecer um fio de azeite e alourar as tiras de pimentos. Retirar do lume e reservar.

Na mesma frigideira, e sem lavar, refogar a cebola picada e o alho. Depois é ir adicionando coisas, envolver e esperar um pouco que cozinhem, por esta ordem:
Açafrão, a pimenta e o piripiri
Polpa de tomate
Cenouras
Ervilhas e milho
Arroz.

Verter o caldo (coar as algas) ou a água aos poucos conforme o arroz vá precisando e mexer sempre.

Ao fim de quatro minutos adicionar os cogumelos e ir acrescentar caldo e quando este acabar, água a ferver, até ao cimo da frigideira. Se secar muito, pode ter que levar mais água, sempre a ferver, para que não pare a cozedura. Uns 5 minutos antes de estar pronto, adiciona-se o feijão.

Envolva e retifica-se o tempero.

Em cerca de 15 minutos, o arroz estará cozido, mas o melhor é ir provando. Não o queremos caldoso, mas também não completamente seco, pode-se ir acrescentando água sempre que for necessário.

Dispor as tiras de pimento, tentando que fique bonito, pode-se ainda polvilhar com salsa ou coentros.

Está pronto, podem vir para a mesa.

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.